malha-cea-caderno.jpg

CADERNO 'O FUTURO DA MODA'

Caderno 'O Futuro da Moda'

O mundo está em constante mudança e precisamos falar sobre isso. Junto ao Instituto C&A, criamos uma série de 06 relatórios de tendências sobre o Futuro da Moda, que serão lançados ao longo de 2017. Um olhar sobre as transformações culturais, novos comportamentos de consumo, inovações em tecnologias e saberes e um pouco dos agentes que estão trazendo um novo paradigma para o mundo a partir de uma moda mais justa e sustentável.

Os relatórios serão apresentados em eventos no nosso galpão com a participação de alguns dos principais fazedores e especialistas da nova moda no Brasil, e distribuídos gratuitamente para o público em download aqui no site.

 
tendencia-poder-do-planeta-das-pessoas

O PODER DO PLANETA + O PODER DAS PESSOAS

O modelo econômico vigente na era pós-industrial baseado na produção em massa, hiperconsumo e descarte vem gerando pressão sobre os recursos naturais disponíveis e dá sinais de que começa a atingir seus limites físicos. Modelos alternativos baseados em princípios sustentáveis e restaurativos ganham força, repensam cadeias de valor e se tornam disruptivos para o mundo dos negócios, à indústria da moda e às práticas tradicionais de consumo.

A Economia Colaborativa - ou Consumo Colaborativo - é baseada nas relações de pessoa para pessoa (P2P) dividindo o acesso a bens e serviços. Assim transformamos resíduos em recursos a partir da interação entre indivíduos; formando comunidades; descobrindo novos modelos de negócio e de consumo.Neste modelo a propriedade dá lugar ao acesso e a hierarquia dá lugar à reputação. A Economia Compartilhada não se resume à forma de comprar. Está relacionada a todo um sistema onde pessoas com necessidades e interesses similares se organizam em comunidades para compartilhar ativos menos tangíveis como tempo, espaço, habilidades e dinheiro.

Neste report abordamos questões essenciais relacionadas a sustentabilidade ambiental, social e cultural e impactos no mundo da moda a partir das principais tendências de comportamento e consumo. Trazendo dados e casos reais aproximamos quem está liderando esses movimentos de quem está consumindo tendências.

 
tendencia-era-de-transicao

ERA DE TRANSIÇÃO

Estamos enfrentando os desafios de viver em um novo mundo. Ele é hiperconectado, aberto e líquido, rápido demais. Somos a geração da transição, que começa a trocar o hiperconsumo pela produção local, independente e consciente. Queremos mais do trabalho do que somente o emprego. Mais da educação do que a academia. Somos da geração que quer mais dos produtos, das empresas, das pessoas. Que entende que ser sustentável ambiental, social e culturalmente não é uma questão de ideologia, mas de sobrevivência.

Neste report abordamos os dilemas inerentes a pós-modernidade e as principais tendências de comportamento e consumo decorrentes dela. Trazendo dados e casos reais aproximamos quem está liderando esses movimentos de quem está consumindo tendências.

Assista ao vídeo de transmissão do evento de lançamento na Fanpage do Instituto C&A. 


IDENTIDADES FLUIDAS

Com a disseminação em larga escala e baixo custo das ferramentas de produção, o acesso ao conhecimento massificado pela popularização da internet e a emergência de movimentos sociais e culturais que buscam a igualdade de oportunidades e direitos para minorias historicamente oprimidas; cada indivíduo se torna autônomo na construção da própria trajetória de vida, ocupação/trabalho, educação e estilo de vida. Paralelamente à quantidade massiva de estímulos, interações digitais e informação disponível ajudam a desconstruir e remixar narrativas identitárias do EU permitindo a construção de um SELF único, mutante, líquido.

Neste report abordamos a construção e a expressão da identidade individual remixada  e as principais tendências de comportamento e consumo decorrentes dela. Trazendo dados e casos reais aproximamos quem está liderando esses movimentos de quem está consumindo tendências.

tendencia-identidades-fluidas.png


O PODER DAS MÁQUINAS

Vivemos em uma era moldada pela inovação tecnológica exponencial e disruptiva. Como consequência ganhamos acesso (a ferramentas, conhecimento, conexões), capacidade de customização e alcance. Ao mesmo tempo colocamos em risco a privacidade e a empregabilidade e colocamos em cheque a propriedade e a hierarquia. Quais as tendências tecnológicas que vão mudar a forma como vivemos, consumimos e nos expressamos? Quais as oportunidades que surgem e o que precisamos saber para lidar com esse novo Zeitgeist? Quem são os protagonistas e inovadores que estão à frente desta revolução?

Neste report abordamos o universo hiperconectado da tecnologia e suas aplicações no mundo da moda a partir das principais tendências de comportamento e consumo. Trazendo dados e casos reais aproximamos quem está liderando esses movimentos de quem está consumindo tendências.

tendencia-poder-das-maquinas

tendencia-poder-do-genero

O PODER DO GÊNERO

A guerra dos sexos deu lugar a batalha (e ao diálogo) dos gêneros. Em 2016 questões de gênero despontaram com alcance e protagonismo nunca antes vistos na política, na cultura de consumo e no discurso de marcas ao redor do mundo. O empoderamento sobre a própria identidade sexual e de gênero trouxe a tona uma série de questões de primeira ordem no universo da expressão, da moda e do consumo ligadas à diversidade, à representatividade, à igualdade de oportunidades, ao protagonismo e ao lugar de fala. Como consequência à queda destes e outros tabus nascem nichos de expressão significativos que carregam muito mais essência que tendência.

Neste report abordamos as profundas questões de gênero que tem vindo a tona nos últimos anos e o papel da moda em expressá-las. Trazendo dados e casos reais aproximamos quem está liderando esses movimentos de quem está consumindo tendências.

 

FIQUE SABENDO

Conheça as outras frentes dessa parceria e assine nossa newsletter pra saber mais: